quarta-feira, fevereiro 09, 2011

O elemento feminino nas OGMA (act.)


À esquerda e em primeiro plano a D. Dina, irmã da D. Rosa Palmeiro Barrela da Secretaria, seguida da D. Irene Morais casada com o José Valente Baptista (falecido) e a D. Maria do Céu Farinha Raposo (falecida) e que foi casada da com o José Raposo (também falecido) e que trabalhou nas Estruturas, antes: Reparação de Aviões.
Passando à parte masculina reconheço o Álvaro Vicente Campinas (falecido) e irmão do Joaquim Campinas (falecido) funcionário dos Serviços Industriais; o Jaime Pedro Cordeiro dos Santos (falecido) coordenador do Serviço de Ponto e que foi Porta-Bandeira da Liga dos Combatentes da Grande Guerra de 1914/18 na, agora, cidade de Vila Franca de Xira. A última Senhora, à direita, julgo ser a recente falecida Maria Fernanda Vitória Justo casada com o Alfredo Henriques Mocho, também ex-funcionário das OGMA e que foram meus companheiros de estudo na (Escola Industrial de Afonso Domingues) EIAD situada, na altura, em Xabregas. (Informação gentilmente fornecida pelo Snr. João Oliveira da Tesouraria, com uma excelente memória, não obstante os seus 83 anos)



À esquerda nas duas fotos acima, está a Snra Esmeralda Brilha, que trabalhou de 1958 a 1985 na Bobinagem, na secção de Electricidade Industrial, hoje já com 82 anos. O marido, já falecido, era o Brilha, Contínuo e depois Telefonista dos Directores Fernando Oliveira e depois Alberto Fernandes. Esta informação foi-me transmitida pelo filho, Joaquim Ivo, também ex-funcionário das OGMA, na secção de Reabastecimento, cujo contacto foi incluido na nossa lista.


Para além dos serviços administrativos, o elemento feminino esteve também presente em outras actividades das Oficinas Gerais de Material Aeronautico, tais como a telagem de aviões, reparação de páraquedas, bobinagem, instrumentos de precisão, etc, como mostram estas fotos dos anos 60. (Crédito Arquivo Histórico da Força Aérea).